Foto da Semana ESO: Névoa violeta

Foto da Semana ESO: Névoa violeta

Foto da Semana ESO: Névoa violeta – Foto: ESO

As regiões HII, um tipo de nebulosas de emissão, se formam quando estrelas jovens massivas emitem radiação ultravioleta suficiente para ionizar as nuvens de gás que as circundam. Estas regiões tendem a apresentar estruturas irregulares sem fronteiras definidas, o que lhes dá esta aparência nebulosa, mas fotogênica. A estrela mais brilhante na região DG121 é a HD60068 e podemos vê-la no centro da imagem.

Esta imagem foi obtida com o instrumento FORS 2 (FOcal Reducer and low dispersion Spectrograph 2) montado no Very Large Telescope do ESO no deserto chileno do Atacama. Este instrumento tem sido descrito pelos astrônomos como o “canivete suíço dos instrumentos do Paranal“, devido à sua capacidade de estudar muitos objetos astronômicos diferentes de muitas maneiras diferentes.

Crédito: ESO

Redação

Read Previous

O ESO torna-se parceiro da maior rede de astronomia terrestre europeia

Read Next

Paulo Guedes – Comissão da Covid-19 fará audiência pública nesta segunda-feira (31)