Jair Messias Bolsonaro: Um líder nato, irreverente que fala o que pensa – Editorial

Posted on maio 9 2020 - 10:27am by William De Camargo

Ninguém pode negar que o Presidente da República Jair Messias Bolsonaro (Sem partido), é um líder nato. Bolsonaro fala o que pensa, sem medo de ser feliz ou infeliz em suas palavras. Bolsonaro toma decisões que são cruciais para o Brasil, sempre levando à frente seu famosos slogan, “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”,  que com certeza foi uma uma propulsora de sua eleição ao cargo mais alto no Brasil, o de presidente da República. Vamos ler tudo até o final!

Muitos sentem saudades da época em que a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) estava no poder, pois ela também falava o que pensava, porém de formas, na maioria das vezes confusa. Dilma, por sua vez, apesar de pouco articulada, ainda assim entendia pelo menos um pouco de economia, não interferia, pelo menos não diretamente na saúde pública, fato este que mostra que todos os estados estão tendo de se virar para poder atender os que possuem casos graves de Covid-19.

Há outros ainda que sentem falta e saudades do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Este por sua vez, como Jair Messias Bolsonaro é um líder nato, vindo de baixo e depois de tentar muitas vezes ganhar uma eleição qual presidente, finalmente tornou-se um ícone histórico, sendo até hoje tema tanto pelo que fez pelos mais humildes, quanto pelo que deixou de fazer. Também é lembrado pelas inúmeras condenações que acumula em sua ficha, qual político e cidadão brasileiro. Lula, porém, sempre tomou bastante cuidado com as palavras e mediante estratégias acabou por governar o país por dois mandatos seguidos.

Já que a questão aqui é quem é líder nato, não podemos deixar de fora o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), que enquanto Ministro da Economia, implantou a URV (Unidade Real de Valor), e posteriormente o Real, deixando a moeda brasileira igualada com o dólar. Naquela época, muitos poderosos perderam muito dinheiro, pois um dólar valia exatamente R$ 1,00.

Hoje o dólar quase bate a casa dos R$ 6 reais, e segundo alguns especialistas, com a persistência da crise do Covid-19, deverá até o final do ano chegar ao patamar de R$ 7,00.

Jair Messias Bolsonaro: Um líder nato, irreverente que fala o que pensa - Editorial

Jair Messias Bolsonaro: Um líder nato, irreverente que fala o que pensa – Editorial

Voltando a falar de nosso querido presidente Jair Messias Bolsonaro, vemos nele uma pessoa extremamente cheia de coragem, que não tem medo nem mesmo do Covid-19, ficando sempre sem máscara próximo aos seus apoiadores. Um líder, um herói brasileiro! este homem consegue mesmo sob uma pandemia, aglomerar centenas de pessoas em frente ao Palácio do Planalto, com faixas e aos gritos dizendo: Mito.

Realmente, Jair Messias Bolsonaro tornou-se um ícone político nada convencional, sendo que o mesmo, pelo menos até o momento não se tem notícia de que tenha contraído Covid-19 ou o Novo Coronavírus. Seus apoiadores, seguindo de perto seu exemplo, se juntam em multidões a fim de dar apoio ao presidente Jair Bolsonaro. Apesar de todas as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e de seu próprio Ministro da Saúde, Bolsonaro e apoiadores desafiam o vírus, desafiam a vida, desafiam a ciência. Realmente este homem é um Mito.

Vale ressaltar, que outros governantes que fizeram pouco caso da doença, como disse Bolsonaro, “é uma gripezinha”, vieram posteriormente à público para se redimir diante da população. Será que o “Mito Bolsonaro”, terá que vir à público algum dia para se desculpar ou mesmo para admitir que está errado? Será que um dia Bolsonaro irá reconhecer que o mundo está lutando com a maior crise de saúde do século? será que os apoiadores do presidente Bolsonaro ficarão ainda assim à seu lado, mesmo tendo o Mito admitido que estava errado?

Parece que o líder nato, o mito, Jair Messias Bolsonaro, possivelmente jamais reconheça que está errado diante da atual crise do Coronavírus. Talvez, um dia, quando estiver com mais idade, esperamos que o mesmo viva muito tempo, lembre-se dos dias atuais e se pergunte: “Por que eu não agi diferente, com o máximo de humildade, reconhecendo que sou humano como todo mundo, que muitas das minhas ações fizeram com que muitas pessoas que até estavam se cuidando, mas vendo minha figura como líder sem máscara e menosprezando muitas vezes a doença, acabaram se expondo ao vírus de forma inconsequente? Por que eu deixei de zelar pela saúde dos brasileiros como eu devia? Por que quando eu era mais novo, fui tolo a ponto de deixar de lado as recomendações da OMS e do meu próprio ministro da saúde? Me arrependo tanto dessa época. Acho que se fosse hoje, eu faria diferente.”

A fala acima não é do presidente Jair Bolsonaro, mas provavelmente a maioria dos leitores, bolsonaristas ou não, não querem que o Mito Jari Messias Bolsonaro, quando estiver mais velho tenha esta lembrança. Ainda há tempo! Pessoas mudam de atitude, de pensamento, e tornam-se melhores com o passar do tempo.

Nós da Redação da Folha Paulistana, esperamos, de coração aberto e sincero que o Mito e o líder Nato, Jair Messias Bolsonaro, mude sua postura, e então quem sabe mudar o slogan para: “Deus acima de tudo, Brasil acima de todos e o Coronavírus no lugar em que merece”.

Sendo assim, está obra que parte dela é ficção (pois sabemos que jamais vai acontecer), seja esclarecedora para os leitores, independente de ideologia política, religião, cidade, estado, ou país. Se o presidente Jair Bolsonaro ajudar, poderemos juntos, unidos como Nação, sair vencedores, e a cada dia parar de contar nossos conterrâneos que estão sendo mortos todos os dias. 

Jair Messias Bolsonaro: Um líder nato, irreverente que fala o que pensa – Editorial

Desejamos ao presidente Jair Messias Bolsonaro e toda sua família, muita saúde, paz e harmonia! Desejamos ainda ao nosso presidente da República, muita humildade e sabedoria para lidar com o Coronavírus e suas consequências.

Por William De Camargo/Folha Paulistana

DA LIBERDADE DE MANIFESTAÇÃO DO PENSAMENTO E DA INFORMAÇÃO – Art . 1º É livre a manifestação do pensamento e a procura, o recebimento e a difusão de informações ou idéias, por qualquer meio, e sem dependência de censura, respondendo cada um, nos têrmos da lei, pelos abusos que cometer.