No dia (07/04/2020), Testemunhas de Jeová Celebram a Morte de Cristo no mundo inteiro

Posted on fev 15 2020 - 9:55am by William De Camargo

Comemoração da Morte de Cristo 2020 – As Testemunhas de Jeová, mundialmente conhecidas e reconhecidas pelo trabalho de pregação sobre assuntos bíblicos, estarão realizando uma reunião especial no dia 07/04/2020, para Comemoração da Morte de Cristo (Memorial). Esta reunião acontecerá de forma simultânea em todos os continentes do mundo. Em alguns lugares, haverá duas e até três reuniões seguidas, dado o número de pessoas que devem participar. A celebração acontece todos os anos, no dia 14 de Nisã (calendário Lunar), após o por do Sol, assim como descrito nas Escrituras Sagradas, a Bíblia.

Nesta data de 07/04 de 2020, todas as congregações das Testemunhas de Jeová estarão unidas em seus respectivos Salões do Reino. A data é comemorada anualmente, diferente de outras religiões que o fazem de forma rotineira e em alguns casos, várias vezes ao dia. O objetivo de se ter uma data específica para a comemoração da Morte de Cristo, se dá pelo fato da última refeição realizada por Jesus Cristo com seus apóstolos. Segundo as Testemunhas de Jeová e também a Bíblia, Jesus Cristo exortou seus apóstolos, dizendo: “Fazei isto em memória de mim”.

No dia (07/04/2020), Testemunhas de Jeová Celebram a Morte de Cristo no mundo inteiro

No dia (07/04/2020), Testemunhas de Jeová Celebram a Morte de Cristo no mundo inteiro – Reprodução jw.org

O dia 14 de Nisã – Que dia estranho é este?
Nisã era parte do calendário lunar, composto por 13 meses, utilizado na época em que Jesus esteve na Terra. Naquela época os meses tinham entre 29 e 30 dias, sendo que nos meses que equivaliam a outubro, novembro e dezembro, além de fevereiro e março, alternavam entre 30 e 29 dias, dependendo do ano. Seria algo semelhante ao nosso mês de fevereiro, que de quatro em quatro anos, temos o ano chamado bissexto. Veja abaixo:

O dia 14 de Nisã – Que dia estranho é este?

O dia 14 de Nisã – Que dia estranho é este?

Especificamente, o mês de Nisã, tem equivalência sempre com os meses de março e abril, no calendário Solar. Este ano, o dia 14 de Nisã, será equivalente ao dia 07/04/2020, dia este em que as Testemunhas de Jeová estarão mais uma vez reunidas para o Memorial ou Comemoração da Morte de Cristo.

Porque Jesus Cristo teve que morrer?
De acordo com a Bíblia e também com o que é pregado há mais de 100 anos pelas Testemunhas de Jeová, a morte de Jesus Cristo fez parte de uma profecia que pode ser encontrada no Velho Testamento ou nas Escrituras Hebraicas e Aramaicas. A morte de Jesus Cristo que veio por ordem do Pai, Jeová, para a Terra, serviu como sacrifício único, dando desta forma redenção para a humanidade. Com a sua morte, as pessoas não precisavam mais fazer a expiação de seus pecados por meio de sacrifícios de animais. Também, conforme reza o texto bíblico, a morte de Jesus Cristo, abriu caminho para que pessoas de todas as nações tivessem a esperança de uma vida eterna, bem como da ressureição após a morte.

Os humanos, até a morte de Jesus, carregavam o pesado fardo do pecado original de Adão e Eva, sendo que como homem e mulher perfeitos, ainda assim cometeram pecado contra as ordens do Criador Universal. Por este motivo, as pessoas precisavam fazer expiação de seus pecados de forma rotineira, pois não havia equivalência entre um sacrifício de um animal, em troca do pecado cometido por Adão, como homem perfeito.

Equivalência entre Jesus e Adão
Jesus Cristo quando esteve na Terra, conseguiu provar para todos que era possível sim, como humano, manter a integridade ao Deus Todo Poderoso. Com isso, o pecado original, neste caso de Adão e Eva, precisa de algo equivalente para que a humanidade se visse livre. Jesus como homem perfeito, mesmo sob muita provação, provou sua integridade a Deus, e quando foi sacrificado, lavou desta forma o pecado de Adão, abrindo portas para que a humanidade, então tivesse a esperança da vida eterna e ressureição, além de livra-los dos sacrifícios que eram necessários para o perdão momentâneo de seus pecados.

Com a morte de Cristo, a Lei Mosaica continuou existindo, porém, Jesus deixou dois mandamentos que por si só resumem toda a Lei. Jesus disse que devemos “Amar a Deus acima de todas as coisas e ao próximo, como a nós mesmos”. O texto de Romanos 5:21 diz: Com que objetivo [Jesus morreu]? Para que, assim como o pecado reinou junto com a morte, assim também a bondade imerecida reinasse por meio da justiça e levasse à vida eterna, por intermédio de Jesus Cristo, nosso Senhor. [o grifo é nosso]

Apesar de muitos dos judeus não aceitarem Jesus Cristo como Messias, uma verdadeira multidão de pessoas o seguiram, se converteram, foram batizados e iniciaram um trabalho que perdura até os dias de hoje e que é uma marca que faz com que reconheçamos as Testemunhas de Jeová em qualquer parte do globo terrestre, neste caso a pregação. Isto mesmo! As Testemunhas de Jeová, não só levam muito a sério o sacrifício que Jesus Cristo fez pela humanidade, bem como seus mandamentos, entre eles o descrito no texto de Atos 20:20, que diz: “ao mesmo tempo não deixei de falar a vocês coisa alguma que fosse proveitosa, nem de ensiná-los publicamente e de casa em casa”.

No texto de Atos, fica muito clara a atitude que os cristão devem ter, a saber, o de realizar a pregação sobre as promessas de Cristo no mundo inteiro.

A data da Comemoração da Morte de Cristo, ou Memorial, é tido como um dos dias mais importantes para as Testemunhas de Jeová e por este motivo, é realizado uma vez por ano. Geralmente nessa época, a intensa pregação que realizam há mais de 100 anos, torna-se ainda mais contundente e intensiva, com o objetivo de convidar o máximo de pessoas para estarem presentes na Comemoração da Morte de Cristo.

Como funciona a reunião da Comemoração da Morte de Cristo para as Testemunhas de Jeová?
Se você for visitar um Salão do Reino das Testemunhas de Jeová, irá verificar que lá eles não fazem coleta e nem tão pouco cobram dízimos de seus adeptos ou visitantes. A Comemoração é realizada com Pão Ázimo (sem fermento) e Vinho Tinto (Puro). Primeiramente é feito um discurso inicial, em seguida duas orações, uma que antecede o pão e outra que antecedo o vinho, sendo que o pão significa o corpo de Cristo e o vinho significa o sangue que ele derramou em redenção dos pecados de toda a humanidade.

Sendo assim, e sabendo que as reuniões das Testemunhas de Jeová tem por objetivo principal a instrução bíblica, todos estão sendo convidados a comparecerem na Comemoração da Morte de Cristo, no dia 07/04/2020, por uma multidão de trabalhadores que pregam de forma voluntária a palavra de Deus por meio da bíblia.

Neste link você poderá encontrar um local próximo de sua casa que terá a Comemoração da Morte de Cristo realizada anualmente pelas Testemunhas de Jeová: https://apps.jw.org/ui/T/meeting-search.html#/weekly-meetings/

Veja também o convite oficial feito no link que segue: https://www.jw.org/pt/testemunhas-de-jeova/celebracao/

Por William De Camargo/Folha Paulistana