quinta-feira, outubro 4, 2018
> Ciência e Tecnologia > Science in School: o número 43 já está disponível

Science in School: o número 43 já está disponível

Science in School: o número 43 já está disponível

A mais recente edição da revista gratuita Science in School já se encontra disponível, tanto online como na versão impressa. Esta revista europeia destinada a professores de ciências apresenta, em cada edição, informação atualizada sobre ciência de ponta, materiais para ensino e projetos em educação científica, entrevistas com cientistas e professores, revisões de livros e outros conteúdos úteis a professores. A revista pretende promover o ensino das ciências ao encorajar a comunicação entre professores, cientistas e todos os intervenientes da educação científica na Europa.

Alguns dos destaques desta edição incluem: uma entrevista com o astronauta da ESA Matthias Maurer; um artigo sobre as bactérias comedoras de ferro nos destroços do Titanic; e 10 coisas que você talvez não saiba sobre perfuração hidráulica.

As atividades práticas para realizar em sala de aula incluem: coloridas reações oxidação-redução com pirulitos; e um conjunto de desafios com objetos saltitantes para investigar princípios físicos simples.

A revista Science in School é publicada pelo EIROforum, uma colaboração entre oito organizações europeias intergovernamentais de investigação científica, das quais o ESO faz parte. A revista trata do ensino da ciências tanto a nível europeu como a nível interdisciplinar, destacando o que de melhor se faz no ensino e na pesquisa de ponta. A submissão de artigos para números futuros é bem vinda, tanto da parte de pesquisadores, fornecendo uma compreensão mais aprofundada de um tópico científico específico, como da parte de professores ou outros elementos envolvidos na educação científica, descrevendo atividades inovadoras que introduzam ciência moderna na sala de aula. Consulte as diretrizes para submissões nesta página.

Estão disponíveis online vários artigos e as respetivas versões traduzidas em muitas línguas europeias. Se você quiser se  voluntariar para traduzir artigos da Science in School na sua língua materna, para a publicação online, consulte por favor as diretrizes no site da Science in School.

Do ESO
Edição final> William Camargo/Folha Paulistana